Versão Garupa
ARMAZÉM DO LIMOEIRO - SP
Versão Piloto
 


Sabe aqueles dias que você não tem nada para fazer e resolve procurar um lugar legal para almoçar pertinho de São Paulo. Taí, a dica é Fazenda Limoeiro da Concórdia que fica entre Itú e Jundiaí, são só 50 minutinhos pra quem sai da capital.
O dia estava lindo, no outono o céu fica deslumbrante e a temperatura ideal para andar de moto.
Pegamos a estrada sem o endereço do local e como o slogan do Armazém do Limoeiro é “Quarqué caminho sai na venda”, resolvemos arriscar. Depois de um tempinho rodando para encontrar o lugar, finalmente achamos. Não é nada difícil, nós é que estávamos curtindo a estrada, dava gosto de ver aquele céu cheio de nuvens branquinhas que mais parecia algodão doce, mas doce mesmo foi a recepção de Seu Clemente e Dona Lala, proprietários da Fazenda. São 5km de estrada boa de chão e neste trecho já dá para ir entrando no clima da vida rural. A impressão que eu tive logo quando cheguei é de um lugar simples e com muita receptividade. Na chegada logo vem o Sr. Clemente nos cumprimentar e apresentar seu estabelecimento e seus mais novos artistas, Donizeti, Caetano e Andinho. Esta trupe faz o famoso Cururu, que é um tipo de repente do interior de São Paulo. São Trovas cantadas e acompanhadas por um violão, um canta em rimas tanto agradando e elogiando os que ali estão ou até mesmo desafiando um outro trovador. É muito divertido, quem chega logo se sente como se fosse de casa. Tudo isso pode ser acompanhado por porções de mandioca, lingüiça, salgados, lanches e cerveja geladinha no "barde", mas se quiser almoçar é só chegar por volta das 12h30 e se deliciar com uma comida feita no fogão a lenha. Custa R$ 25,00pp e come-se a vontade, incluindo doces caseiros. Tudo isso acontece aos sábados e domingos na sede da Fazenda, uma casa de 1901 que fica do ladinho do Armazém, mas se quiser fazer um programa diferente, chegue cedinho no domingo, por volta das 8h, assista a missa na capelinha São Francisco de Paula e tome café da manhã junto com a comunidade, onde cada um leva alguma coisa e divide entre as pessoas. Incrível né? Depois ouça os repentistas no armazém fazendo rima com o sermão da missa. Antes do almoço uma caminhada pela fazenda. O lugar é bem bonito, tem umas pedras enormes que compõe a paisagem. Pra que gosta de programa “humirde”, caipira e da simplicidade da vida do campo, pode vir que não vai se arrepender. E se gostar muito, pode se hospedar na casa da fazenda. O pessoal é bem animado, geralmente eles fazem eventos como: jantar da saudade, festa junina e ainda conta com monitores que agitam a criançada e também os adultos. Diversão é o que não falta, mas o lado nostálgico de quem comprou coisas na venda, vai dar o que falar e para aqueles que não sabem o que é uma venda vão poder ver de pertinho e até comprar balas e doces, pirulito vermelho no formato de chupeta, vai dizer que não sabe do que estou falando? Viver também é isso, lembrar com saudade do passado, trazer as boas lembranças pro presente e nunca esquecer de recordar no futuro.


   


COMO CHEGAR

Partindo de São Paulo siga pela Rodovia dos Bandeirantes até Jundiaí, pegue a Rodovia D. Gabriel P. Bueno Couto, sentido Cabreúva. No km 84 siga indicação Estrada da Concórdia, são mais 5 km por estrada de terra em boas condições.

ESTRADAS

As rodovias paulistas são sempre muito bem conservadas, e no caso dessas em especial, nós motociclistas, ainda não pagamos pedágio. Os cinco km de estrada de terra até chegar ao Armazém não é problema nem para motos custom, pode ir sem medo.

O QUE FAZER

Sabe aquele dia ensolarado que você acorda e não sabe bem o que fazer? Só sabe que quer aproveitar o dia e por a moto na estrada?
Pois bem, siga as instruções e vá conhecer o Armazém Limoeiro, você vai ter a oportunidade de passar um dia numa fazenda bem pertinho de São Paulo.
Não tem como errar, seguindo pela estrada de terra você passa em frente ao Armazém, tanto é que o slogan deles é “Qualqué lugar leva a venda” porque essa estrada é passagem de diversas fazendas da região.
Logo na chegada você é recebido pelo simpático casal Dona Lala e Seu Clemente, proprietários da fazenda que irão te deixar a vontade para conhecer o lugar.
Chegue cedo, assim da tempo de fazer algumas trilhas pela região, que pode ser a pé ou de moto ou ainda de bicicleta, pra quem gosta.
Depois de uma caminhada para abrir o apetite você vai poder almoçar no Armazém ao som de algum violeiro, nós demos a sorte de encontrar uma dupla muito divertida, que cantam um ritmo chamado Cururu, que segundo o Donizete é típico do interior paulista.
Andinho e Donizeti se revezam na cantoria e se enfrentam num duelo musical acompanhados pelo violeiro, Seu Caetano, o show vale a viagem, é muito bom poder curtir um humor simples e sem maldade dos chamados “caipiras do interior de São Paulo”.
Como chegamos um pouco tarde, perdemos o almoço, mas ganhamos a oportunidade de voltar outro dia, e certamente voltaremos, e quem sabe nos encontramos por lá?




 

 
 
 
 
 
 
 
 
  Viagem realizada em:
 30/04/2011
  Distância - SP a Fazenda
 A 120 km pela Partindo de São Paulo siga pela Rodovia dos Bandeirantes
  Horários
 Saída: 12h30
 Chegada: 18h40
  Despesa Combustível
 R$ 40,00
  Despesa Alimentos
 Almoço R$ 25,00pp
  Despesa Hospedagem

 consultar pelo site: www.armazemdolimoeiro.com.br ou pelo
 Informações pelos telefones (11) 9601.4155, (11) 9739.9739, ou pelo e-mail lala@casadefazenda.com.br.

 Tipo de viagem
 Bate e volta / Final de Semana
 Artistas - Rei do Cururu  www.osreisdocururu.com.br - Tel: 15 96232252
Viagem Carbono Zero
Moto Modelo
km Percorrido
KgCO2e
Árvores Plantadas
BMW GS 1200
220
21,49
0,21

Em respeito ao Planeta e apoio ao Programa Jovem Meio Ambiente e Inclusão Social (PJMAIS), nossas viagens levam este selo.

 
clique aqui para voltar ao índice