Versão Garupa
BALNEÁRIO CAMBORIÚ
Versão Piloto
 



Este é o tipo de vigem para quem quer andar praticamente o dia todo de moto. É verdade, pois o trajeto que traçamos é bem longo, com muitas curvas, paisagens maravilhosas e é claro, velocidade baixa. Isso mesmo, é que por ter muitas curvas, praticamente 300 km, não passamos de 80 km /h  e em alguns trechos até 50 km/h. É um tipo de estrada que o piloto tem que ter experiência e a garupa tem que gostar de curvas também. Teve momentos que tive enjôo e para me adaptar e me sentir melhor usei uma técnica que ajudou muito; a cada curva eu olhava para o lado contrário e evitava olhar para o chão e para o alto. Não sei se funciona com todo mundo, mas pra mim foi o que melhorou, agora sinto muito, só serve para a garupa. Uma dica é tomar um café da manhã leve. A estrada é de mão dupla e muito estreita e há perigo de deslizamento de encostas em dias de chuva. Pelas fotos vocês poderão ver como é linda a paisagem; com muitas serras, muito verde, muitas casinhas e animais pastando. Como estamos devagar dá para observar tudo. A visão que a moto proporciona é incrível, quanto mais eu viajo mais eu me encanto e esta região do sul é muito linda. Saímos da SP 127, passamos por Curitiba e pegamos a BR 101, aí é só reta e esta parte da estrada está boa. Passamos em Joinville para tomar um lanche. A cidade é muito simpática, pena que chegamos por volta das 17hs e a maioria do comércio estava fechado. Nosso destino final era Balneário Camboriú para uma big festa de aniversário. Nem me perguntem se me diverti. Viajar de moto e ainda chegar para uma festa, tem coisa melhor? Fomos bem recepcionados e o que é melhor, por amigos que conhecem bem o lugar. Até nos deram umas dicas. Confesso que não tinha uma boa impressão do lugar, mas com as sugestões mudei de idéia. As praias do centro são bem movimentadas, tem algumas impróprias. Existe um deck que liga uma praia a outra, nos disseram que é bem interessante. Em Camboriú tem uma marina super moderna, pra quem gosta pode até dá uma passadinha e conhecer. Agora, na minha opinião o legal é seguir para Laranjeiras, Br 101 sentido Florianópolis, pegar a interpraias e conhecer praias mais tranqüilas e quem sabe até freqüentar uma de nudismo, a praia do Pinho e  se você quiser  um pouco de emoção pode até se aventurar no teleférico. Perceberam que é um tipo de viagem com várias opções? Não aconselho fazer em dois dias como fizemos e sim em 3 ou 4 dias para curtir bem a região. Voltamos pela Br 101, uma pena que uma estrada com uma paisagem tão bonita tenha trechos de asfalto horríveis. Se fosse diferente seria muito bom apreciar toda aquela serra coberta de mata atlântica. Um detalhe importante é não esquecer a roupa de chuva, pois nessa região sempre chove. Queríamos chegar até Floripa, mas o tempo estava muito curto. Fica pra próxima!

 

   



COMO CHEGAR
Via Castelo Branco - 740 km. – Saída 129B para Tatuí
Via BR 101 - 620 km.

ESTRADAS
Na ida optamos pela Castelo Branco até Tatuí / Itapetininga / Capão Bonito / Apiaí até Curitiba e depois pela Br 101 até Camboriú.
Na Volta viemos direto pela Br 101.

O QUE FAZER
Bom, fizemos essa viagem em um fim de semana, para comemorar o aniversário de uma amiga, o ideal é ter mais uns dias para curtir e conhecer a região. Na ida optamos pelo caminho mais longo, porém muito mais bonito e seguro do que a Br 101. Conhecemos estradas muito gostosas de passear de moto, com bom asfalto e seqüências de curvas de todos os tipos. Devemos ter rodado uns 300 kms fazendo curvas entre florestas de pinheiros, canyons e com um céu de brigadeiro. É um pouco cansativo e a viagem não rende, mas compensa pelo visual e pelo prazer de pilotar. De Curitiba em diante seguimos pela Br 101. Paramos para tomar um lanche e  conhecer Joinville e ponto final em Balneário Camboriú.  
Na volta resolvemos vir direto pela Br 101, a idéia era sair logo cedo, mas como a noite foi animada, acabamos saindo às 13h. Como sempre viajar por essa estrada requer muito cuidado, experiência e atenção redobrada com caminhões e buracos. Para piorar um pouquinho ainda pegamos alguns trechos com chuva, mas nada que uma boa roupa impermeável não resolva.

COMER & BEBER
O que não falta nessa região são bons lugares para comer, principalmente peixes e frutos do mar.

MEUS COMENTÁRIOS
Quem não conhece Santa Catarina, esta perdendo tempo. O litoral oferece muitas opções de praias, desde as mais badaladas até praia de nudismo, gente bonita, boa comida e ótimos lugares para passear de moto, um deles é a “Interpraias”, uma pequena serra que você vai ter uma amostra de varias praias, ai é só você escolher a que te agrada mais. Acho que uma semana é um tempo legal para conhecer o litoral catarinense, vale a pena.




 

 
 
 
 
 
Distância SP - Bal. Camboriú
 
 Via Castelo Branco - 740 km / Via BR 101 - 620 km.
Tipo de viagem
 
 Final de Semana / Feriado
 
Viagem realizada em:
   Fevereiro/2008
Sites
 
 www.camboriu.com.br
clique aqui para voltar ao índice